segunda-feira, 28 de maio de 2012

Ministério Público estuda proibir Parada Gay na Paulista

Tenho lutado há anos para que o poder público não permita a realização de grandes concentrações na avenida Paulista, por esta ser a principal via de acesso a muitos hospitais, como o Incor, Clínicas e Oswaldo Cruz. Cheguei inclusive a apresentar um projeto de lei na Câmara Municipal que proíbe as manifestações na Paulista, exceto o aniversário da cidade, o reveillon e a corrida de São Silvestre, por estes eventos serem de interesse geral da cidade e não representativos de um segmento da sociedade. No entanto, um acordo entre a prefeitura e o Ministério Público manteve a Parada Gay e tirou a Marcha para Jesus da Paulista. Ou seja, houve privilégio ao movimento gay e discriminação aos evangélicos, e a outros segmentos da sociedade, que tiveram de fazer suas concentrações em outros locais. A propósito dos eventos na avenida Paulista, a coluna Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, publicou hoje duas notas, que reproduzo abaixo:
SINAL AMARELO
O Ministério Público de SP está finalizando um estudo sobre a utilização de vias públicas, como a avenida Paulista, para grandes manifestações que impactam o trânsito - por exemplo, a Parada Gay. Uma das ideias que voltaram a circular é a de propor a proibição de seu uso.
RODA VIVA
Na impossibilidade de isso ocorrer, estuda-se um rodízio. A Paulista, por exemplo, só recebe três eventos por ano -a Parada, a corrida de S. Silvestre e o Réveillon. A ideia é que outras manifestações, como as evangélicas e as do movimento negro, se alternem no uso da via.

Entendo que a Paulista não deve ter eventos promovidos por setores da sociedade, mas, se houver, o critério para sua utilização deve ser o mesmo para todos. Ou podem todos, ou não pode ninguém. Sou contra privilégios, pois ninguém está acima do bem e do mal.

Um comentário:

  1. Meu amigo para de ficar correndo atrás de causa gay e presta bem atenção nesse lixo de lei que você apoia para colocar pedágio em São Paulo. Você quer que o povo vá todo contra você ? Então por que apoia esse lixo de lei que prejudica tudo e a todos? Faz parte da sua criação ser uma pessoa que FERRA com os outros por algum interesse particular? Sua mãe ou seu pai se orgulha dessa atitude sua de ferrar com um monte de pessoas que dependem de veículos e transporte em SP... VocÊ quer FERRAR a população é ???? Onde vocÊ aprendeu a fazer algo que desgrace o dinheiro da população pela simples fato de você existir com estas suas idéias de M#rd# !!

    ResponderExcluir